Blogroll

16 de mar de 2012

O manual de bom uso da sua roupa

A roupa como qualquer outro produto vem com um manual de bom uso e a simbologia que vem nas etiquetas merecem atenção e sua real aplicação. Os processos de lavar e passar aplicados inadequadamente podem danificar a roupa, assim como, a maneira de dobrar e pendurar no varal, e ai?E ai que devemos ser mais atentas e cuidadosas para ter uma roupa por mais tempo e com aspecto de nova.

E como fazer da forma mais correta?
Ler a etiqueta da sua peça para entender como proceder nos processos de passar e lavar é o que vem primeiro de tudo, e:

Lavar com água fria, sempre!Não importa o tecido, água quente no algodão pode soltar tinta, nos sintéticos podem encolher e deformar e as tramas de tricôs e malhas podem ceder.
Limpar os bolsos, fechar zíperes e desdobrar mangas e barras é recomendável.
Separar roupas claras, roupas escuras e roupas coloridas, nunca as lave juntas.
Escolha os módulos mais simples e mais rápidos de centrifugação da máquina estes por sua vez são opções assertivas.
Muito atrito pode desgastar tecidos, desbotar cores e lavagens, fazer aparecer bolinhas e deformar costuras.
Se lavar à mão retire o excesso de água do enxágue apenas pressionando as peças, não torça ou faça muita força.
Pendurando as peças: quanto mais esticadinhas elas ficarem, menos desgaste!
É bom pendurar as peças em cabides e aí pendurá-los no varal, porque assim a peça já seca lisinha (sem tantas dobras ou marcas) assim não precisará de muito calor, ou seja, da pressão do ferro de passar – que em excesso também prejudica tramas e tecidos!
Ideal é que o varal seja instalado num lugar com ventilação, sem luz do sol direto nas peças.

Passando: respeite as recomendações das etiquetas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário